logotipo UMP pt

                                 


Prémios | Distinguidos projetos de Peso da Régua e Marco de Canaveses


As Misericórdias de Peso da Régua e Marco de Canaveses foram distinguidas no dia 6 de julho com o primeiro lugar e uma menção honrosa do Prémio Maria José Nogueira Pinto, respetivamente. A cerimónia de entrega de prémios foi presidida pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, na Casa Museu Medeiros de Almeida.

 

A principal dificuldade, segundo a presidente do júri, Maria de Belém Roseira, residiu na escolha das 94 iniciativas em avaliação. “As [cinco] candidaturas escolhidas distinguem-se por serem ações em pleno curso, em zonas não favorecidas, que cobrem áreas prioritárias de intervenção com metodologias inovadoras e são portadoras de mensagens disruptivas relativamente a intervenções tradicionais”, apresentou no arranque da cerimónia.

Pela primeira vez, em cinco edições, uma Misericórdia foi galardoada com o primeiro prémio. Neste caso, Peso da Régua, no interior transmontano, com um projeto-piloto que recorre a robôs para ensinar matemática e ciência às crianças do pré-escolar e primeiro ciclo. O mérito, segundo o provedor Manuel Mesquita, cabe a toda a equipa envolvida na implementação do Clube de Programação e Robótica – CodeMode no centro infantil da Misericórdia.

O serviço móvel de saúde de Marco de Canaveses, distinguido com uma menção honrosa, intervém junto de maiores de 65 anos, através de uma equipa multidisciplinar que prolonga a manutenção no domicílio, e numa próxima fase vai incidir na formação de cuidadores. “Os cuidadores são a rede de suporte de toda esta estrutura e na sua maioria são mulheres, já velhas”, explicou a provedora e diretora da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto.

Nesta data, foram ainda galardoadas a Cooperativa de Incubação de Iniciativas de Economia Solidária de Ponta Delgada (unidade agrícola de inserção social), a F2 - Associação de Apoio Família-A-Família (plataforma de babysitting para famílias com baixos rendimentos) e a Associação Acreditar de Coimbra (rede de sobreviventes de cancro infantil). 

Voz das Misericórdias

Linha de Crédito

Concluídos os processos de contratualização dos financiamentos bancários no âmbito da Linha de Crédito de Apoio à Economia Social I e II, divulgamos a lista final de Misericórdias beneficiárias.

Fundo de Reestruturação do Setor Solidário

O Fundo de Reestruturação do Setor Solidário destina-se a apoiar a reestruturação e a sustentabilidade económica e financeira de instituições do setor solidário.

 

Login